40% DOS AMERICANOS SÃO CRIACIONISTAS

Entre os entrevistados com pós graduação, a teoria de que os homens evoluíram sem a participação de Deus é aceita por 25% das pessoas – o maior índice entre as escolaridades. No mesmo grupo, o criacionismo puro e simples era a 22%, o menor índice. O restante, 49%, acredita que houve uma evolução guiada por Deus. Entre aqueles entrevistados com ensino médio ou menos, apenas 9% acreditavam na evolução, enquanto 47% acreditavam no criacionismo e 34% crê em uma evolução guiada por Deus.

Criação VS Evolução – A batalha continua.

Uma descoberta nada surpreendente é a de que americanos que vão à igreja tendem a acreditam mais em uma visão que envolva Deus. Entre aqueles que vão raramente ou nunca, 31% acreditam na evolução sem participação divina e 24% acreditam que Deus criou o homem da maneira como é há 10 mil anos; 39% acreditam na evolução guiada por interferência divina. Já entre aqueles que vão toda semana à Igreja, apenas 2% acreditam na evolução sem intervenção divina, 60% acreditam que Ele criou o homem, da maneira como é, há 10 mil anos, e 31% crêem na evolução guiada.

Conclusões

A pesquisa da Gallup revela que a maioria dos americanos acredita em Deus, sendo que 85% têm alguma identidade religiosa. Não é surpreendente, portanto, que 8 em cada 10 americanos acredite que a origem humana envolva alguma ação Divina – seja criando os humanos como descrito no livro do Gênesis, seja guiando o processo evolutivo. Segundo o Gallup, o que surpreende os cientistas é que 40% das pessoas acredite na primeira opção.

Comparando os números com as pesquisas anteriores, fica claro que essas opiniões estão basicamente estáveis nos últimos 28 anos. A visão criacionista declinou levemente, porém as variações são bastante pequenas.

A pesquisa da Gallup foi feita entre 10 e 12 de dezembro, com uma amostra aleatória de 1019 adultos, acima de 18 anos, vivendo nos Estados Unidos continental. Sua margem de erro é de 4 pontos percentuais, para mais ou para menos.

FONTE: Info Exame: http://info.abril.com.br/noticias/ciencia/40-dos-americanos-sao-criacionistas-22122010-24.shl?2

RESENHA DO AUTOR

Este é um problema sério no ensino de biologia e de ciências nos EUA. Porque demonstra a influencia da religião na política e nas regras do país, é sabido que grande parte do elenco político no país é dominado por criacionistas fundamentalistas. Não é a primeira reportagem que vejo sobre criacionismo neste ultimo mês, para falar a verdade, pesquisei alguns sites e devido a essa freqüência alta de reportagens elaborei 5 artigos que elucidam a nós brasileiros o que é o criacionismo, com uma abordagem histórica e confrontando com a ciência, com biologia evolutiva.

Na próxima semana esses artigos estarão disponíveis no site WWW.netnature.wordpress.com esperando suas opiniões e comentários.

Scritto per Victor Rossetti

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s