ESCATOLOGIA OPORTUNISTA. CONHECENDO JEAN THEOPHILUS DESAGULIER.

A escatalogia como já discuti aqui é uma fração da teologia que busca discutir eventos históricos e baseá-los no destino final da humanidade, ou seja, do fim do mundo. A finalidade deste texto é demonstrar como criacionistas utilizam os elementos históricos (principalmente da ciência) na qual a escatologia esta presente e distorce ele de tal forma a pregar uma previsão do futuro, ou seja, o dia do juízo final. Assim, aqui demonstrarei que a analise escatologica feita por um dos maiores nomes da ciência é uma oportunidade para certos grupos desenvolverem idéias regradas na maioria de suas vezes por senso comum, especulações e teorias de conspiração.

Para ter uma breve noção do que é a escatologia e a sua relação com a apologética escrevi um texto denominado O fim da escatologia e da epologética; mais sinais para o fim do mundo? – https://netnature.wordpress.com/2011/03/25/o-fim-da-escatologiae-da-epologetica-mais-sinais-para-o-fim-do-mundo/ na qual trata das bases deste assunto em questão e abordo datas em que já houveram previsões escatologistas que falharam, todas.

É possível prever o dia do juízo final? Como a escatologia se mistura com a ciência? Porque ela é um tema oportunista?

Explicarei isso aqui de forma clara e direta que tornará qualquer proposta escatológica criacionista que se baseia em Newton uma mera lenda e um oportunismo.

Newton é, para a maioria dos criacionistas brasileiros um exemplo de como a ciência, o misticismo religioso, a filosofia e a escatologia eram unidos no século XVII.

Newton é claramente citado por criacionistas como o exemplo de que é possível a ciência desvendar o dia do juízo final e casá-la assim com as verdades bíblicas, a apologética.

Eis um fato; a ciência ainda não é capaz de prever um terremoto, porque seria capaz de prever exatamente o dia do juízo final?

Segundo Sir Isaac Newton em seu livro Philosophiae naturalis principia mathematica ele faz uma previsão escatológica de que o fim do mundo será em 2060. Considerando que desde os anos 900 surgiram algumas dezenas de previsões escatológicas sobre o fim do mundo que na verdade saíram pela culatra, porque deveria acreditar nesta de Newton? Só porque foi o grande Sir Isaac Newton?

Muito que bem (como diria o professor Mário, de historia que também era padre no ensino fundamental II), na época de Newton, era extremamente comum esta idéia de  não separar nada, ciência, religião e filosofia, portanto é extremamente comum ver cientistas contemporâneos e os anteriores a Newton falar de ciência e religião com a maior naturalidade. Considerando que Darwin foi um dos responsáveis da separação destas formas de pensar.

Aqui entro com a questão do oportunismo, e para tratá-lo mergulharei de cabeça sobre a vida e a obra de um homem fundamental na historia da ciência, Jean Theophilus Desagulier. Na realidade me focarei em mais do que sua vida, mas em grande parte em sua obra.

No século XVI os trabalhadores e construtores escoceses viviam da busca de trabalho em todo o reino unido. Durante a noite eles se reuniam em grandes casas de madeiras e se alimentavam, liam livros e trechos da bíblia e se socializavam firmemente. Ao longo dos anos e dos séculos esse grupo crescente de trabalhadores foi se ampliando e se organizando em forma de clubes. Na Inglaterra e em grande parte da escócia eram bastantes grupos que se intercomunicavam.

Em 1553 William Shaw um mestre-de-obras do rei da Escócia passou a controlar a contratação de pedreiros e construtores de grande parte da coroa. Em 1598, quatro anos antes de morrer codificou um grupo de criação de lojas corporativas. Acredita-se que a primeira delas seja a Mary Chapel. Um tipo de loja para este grupo específfico.  Após sua morte declinou iniciou-se a necessidade de obter um mestre para a nova associação que vinha no futuro a se chamar de Maçonaria.

A terceiro grão mestre foi Desaguiler. Desagulier foi o primeiro a inaugurar claramente a primeira grande loja maçônica em Londres.

Jean Theophilus Desagulier.

Desagulier nasceu em 12 de março de 1683 em Aytré, um subúrbio de La Rochelle na França. La Rochelle era uma cidade muito próspera que lucrava com o comércio, seu pai (que tem o mesmo nome) era pastor huguenote, um grupo de protestantes franceses que se desenvolveram durante a Reforma do século XVI. Sofreram penosas perseguições já que a fé que os guiava, durante muitos anos, esteve baseada nas idéias de Calvino. Esses protestantes fundaram em 1559 uma igreja na França.

Na segunda metade do século XVI, os ataques católicos aos protestantes fazem-se cada vez mais virulentos, culminando com o massacre de São Bartolomeu, em 24 de agosto de 1572, no qual foram mortos mais de 30.000 pessoas.

Seu pai integrou-se ao clero anglicano e se tornou pastor de uma igreja na Swallow Street templo favorito dos imigrados franceses.

Desagulier foi educado pelo seu pai até os 16 anos, matriculou-se na universidade inglesa Christ Church de Oxford fez mestrado em filosofia e letras em 1712.

Apesar de tudo, Desaguliers era  de uma sólida formação científica, como se verá a seguir, e era um homem bastante pragmático.

Desaguliers não só participou ativamente da corrente científica do seu tempo mas também comungou da idéia de que a tecnologia deveria servir à humanidade, libertando-a do trabalho braçal escravizante. Sua crescente reputação de sábio facultou-lhe o ingresso em diversas sociedades científicas. Vem desta época a sua amizade com Sir Isaac Newton na qual ajudou-o na redação dos Corrigenda e dos Addenda em seu Philosophiae naturalis principia mathematica.

Desaguliers tornou-se mais conhecido pela sua contribuição à evolução da ciência do que por suas obras religiosas como ministro do culto.

Mas o que tem a ver Desaguliers com o oportunismo?

Ora, Desaguliers foi o homem que ascendeu a maçonaria na Inglaterra e em todo reino unido e era parceiro de Newton, que também veio a ser maçon.

Que ironia do destino, sabemos agora que a maçonaria não tem nada a ver com os cavaleiros templários mas sim com a disseminação de uma ordem de comerciantes filósofos e cientistas e ainda por cima fundada por cristão no século XVI.

Desaguliers apresentou sua candidatura ao grão-mestrado em 1717, mas foi eleito em 24 de junho de 1719 numa loja reunida na Taberna do Ganso e da Grelha, conforme foi descrito na segunda edição (1738) de suas Constituições na quais foram escritas pelo pastor Anderson.

Pastor Anderson

Anderson e Desagulier foram as pessoas que estabeleceram a forma com que as vendas e as relações comerciais maçônicas deveriam ser organizadas e registradas. Anderson foi quem escreveu todas as historias antigas da maçonaria na qual as fez cooptando os dizeres de tradições religiosas das mais diversas possíveis, desde as tradições escocesas e do reino unido até as tradições góticas, da Kabalah e judaico-cristãs.

Desagulier foi o terceiro grão-mestre da ordem e o último plebeu a ocupar tal posição. Após a administração de Desaguliers, a função de Grão-Mestre torna-se apanágio de membros da família real inglesa ou da nobreza na qual mais para frente só se tornavam membros unicamente com a finalidade de sanar a curiosidade sobre o que acontecia nos rituais maçônicos. Ou seja, tudo aquilo que as pessoas de hoje querem saber sobre a maçonaria e que os cristãos enfeitam com o satanismo e seitas obscurantistas. É compreensível, quando não conhecemos algo, logo passamos a vê-la na forma mais maléfica possível, tema na qual me focarei em outra oportunidade, o negativismo humano.

A maçonaria hoje deixa de ser secreta para ser uma sociedade discreta.

Desagulier criou assim a caixa de auxílio mútuo maçônico e os fundos de beneficência da grande loja da Inglaterra.

Desagulier e Newton faziam parte ativamente da maçonaria e também estavam extremamente presente numa associação inglesa conhecida até hoje a The Royal Society, uma das responsáveis pelas maiores publicações de artigos científicos na qual Charles Darwin era membro honorável.

Então, as propostas escatológicas e as defesas da intelectualidade de Newton que são feitas por criacionistas carregam uma bagagem historia pesada envolvendo a Maçonaria, associação extremamente abominada pelos cristãos.

Espero que qualquer cristão hoje que for defender a escatologia newtoniana tenha em mente que no fundo ele estará falando de uma escatologia criada por um membro honorário da maçonaria que diga-se de passagem não tem associação alguma com entidades ocultistas. Isso é bastante evidente em sua historia e ascensão em todo mundo.

Evidentemente não sou maçon, seus segredos devem permanecer guardados e seus componentes históricos estão claramente entrelaçados com a história das ciências.

A apologética e a escatologia mostra quando será o fim do mundo, mas não mostram a historia da construção desses pensamentos, ou de onde vêem essas idéias.

Scritto da Rossetti

Palavras chave: Rossetti, Netnature, Newton, Desagulier, Maçonaria

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s