ANTÁRTIDA ESTÁ GANHANDO OU PERDENDO GELO? DICA: PERDENDO.

Um novo estudo publicado no Journal of Glaciology está a causando uma agitação nos círculos climáticos, porque ele parece reivindicar que a Antártida – a longo tempo vista como perdendo gelo a taxas extremamente alarmantes – esta realmente ganhando gelo.

Permanecer no alvo. Photo by Google Earth / Shutterstock / Vectors.1 / Phil Plait

Permanece no alvo. Photo by Google Earth / Shutterstock / Vectors.1 / Phil Plait

No entanto, note que a palavra parece. A realidade é mais complicada, e, no final, o aspecto importante disso é que o estudo só fala sobre de parte da Antártida, e os dados usados ​​foram somente até 2008. Ambos estes pontos são fundamentais. Aqui está o “o que é o quê”.

Os autores analisaram os dados de altimetria por satélite, usando isso para controlar a quantidade de neve acumulada ao longo de um determinado período de tempo. Olhando para diferentes satélites, eles descobriram que bastante neve caiu sobre algumas partes do sul do continente (a mais importante da vasta área da Antártida Oriental) equilibrando o gelo perdido através de fusão.

Em outras palavras, a Antártica Oriental (e partes do Oeste) ganha massa. É interessante!
Mas os autores observam que a taxa de acumulação é estável, enquanto as perdas estão aumentando. Como eles mencionam na sua conclusão, este ganho de massa sobre as regiões estudadas não pode manter-se com perdas, e eles estão propensos a equilibra-se em cerca de 20 anos. Depois disso, as perdas ganharão.

Tem mais. Eles analisaram os dados que vão de 1992 a 2008. Começando em torno desse tempo, a perda de massa devido ao derretimento do gelo na Antártida (principalmente no Oeste) tem acelerado. Tem sido realmente acelerada por algum tempo, mas nos últimos anos é realmente arrancou. A cada ano, cerca de 6 bilhões a mais de toneladas de gelo estão sendo perdidas em relação ao ano anterior. Nas últimas duas décadas, a taxa de perda dobrou.
Isso é suficiente para ultrapassar facilmente a massa obtida pela queda de neve sobre a Antártica Oriental. Usando dados obtidos pelos satélites Grace (que medem como massa debaixo deles muda ao longo do tempo), sabemos que, em geral, a Antártica está perdendo mais de 130 bilhões de toneladas de gelo por ano, e mais uma vez, esse número está aumentando a cada ano. Desde 2002, ele perdeu cerca de 2 trilhões de toneladas de gelo.
Vale lembrar, que o estudo não está incluindo a Groenlândia, que está perdendo gelo a uma taxa ainda mais impressionante, de 280 bilhões de toneladas por ano, e perdeu bem mais de três trilhões de toneladas durante o mesmo período de tempo.

Portanto, não importa como você observa, a Antártida está perdendo gelo, e perdendo rapidamente.

Massa de gelo na Antártida perdeu devido ao derretimento de 2002 a novembro de 2014. Nota a tendência. O ponto 0 é a média ao longo do período de tempo. Diagrama pela NASA

Massa de gelo na Antártida perdeu-se devido ao derretimento de 2002 a novembro de 2014. Note a tendência. O ponto 0 é a média ao longo do período de tempo. Diagrama pela NASA

Há um passo no novo estudo que achei interessante, e um pouco preocupante: Eles mediram como a altura da neve aumentou na Antártida Oriental, mas é um pouco problemático para a conversão de que a quantidade de massa de gelo foi adquirida. Quando a neve cai, ele é comprimida ao longo do tempo e se transforma em gelo. Esse processo não é completamente compreendido, como Robin Bell (que estuda o gelo da Antártida) aponta em uma citação em um artigo sobre isso na Vice. Do mesmo modo, o climatologista Gavin Schmidt diz que acha que as medições de Grace (que mostram muito mais perda de gelo da Antártida) são mais confiáveis ​​também. Você pode ler mais sobre isso em HotWhopper.

Claro, como de costume alguns personagens do aquecimento global – os que negam o aquecimento estão saltando sobre o estudo, alegando triunfo…” mas, como de costume, eles ofuscam, eles escolhem e ignoram as evidências que contradizem suas afirmações de que tudo está acontecendo bem.

Aqui está a diferença entre a verdadeira ciência e o que eles fazem: Quando comecei a ler mais sobre este estudo da Antártida, a minha reação foi de esperança. Embora eu sabia que os níveis do mar estavam subindo, e que isso deve vir de algum lugar, se a Antártida estava realmente ganhando gelo, poderia fornecer uma boa proteção contra a fusão catastrófica.

Mas em uma analise mais aprofundada, ficou claro que este não era o caso. Eu estava feliz em entreter-me com a noção de que eu poderia estar errado em minhas conclusões, e eu ainda estou. Mas todas as evidências apontam para a conclusão de que a Antártica continua a perder centenas de bilhões de toneladas de gelo por ano, vai perder mais a cada ano e é acompanhará (e até mesmo ultrapassará) a Groenlândia.

O mundo realmente está se aquecendo. Nós realmente estamos perdendo gelo. Os níveis do mar realmente estão subindo. Oceanos realmente estão ficando mais ácidos, devido à absorção de alguns dos 40 bilhões de toneladas extras de dióxido de carbono que os seres humanos bombeiam para a atmosfera a cada ano.

Ao olhar para os dados e fico alarmado com isso. Eu gostaria que não fosse assim, mas os dados, a ciência, a realidade isso não dá a mínima para o que nós desejamos.
Ele só reage ao que fazemos.

Fonte: Slate

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s