FOTOGRAFIAS INCRÍVEIS MOSTRAM TRIBO AMAZÔNICA ISOLADA VIVENDO PERIGOSAMENTE PERTO DE MINEIROS ILEGAIS.

Uma tribo isolada foi fotografada pela primeira vez em uma região da Amazônia brasileira que está sendo invadida por mineiros de ouro ilegais. Tendo mantido seu modo de vida tradicional por milhares de anos, os membros desta tribo podem em breve enfrentar a extinção se não estiverem protegidos da invasão de estranhos em seu território.

Proteger tribos de quem é de fora é um dos mais maiores desafios que enfrentam os governos da America do sul. Guilherme Gnipper Trevisan/Hutukara

Proteger tribos de quem é de fora é um dos mais maiores desafios que enfrentam os governos da America do sul. Guilherme Gnipper Trevisan/Hutukara.

As fotos foram tiradas de um avião do governo que estava procurando os mineiros ilegais, e mostra uma estrutura comunal chamada “Yano” dentro do território pertencente ao povo indígena Yanomami. Oficialmente protegido desde 1992, este território é visto como o lar de cerca de 22 mil indivíduos divididos em numerosas tribos, pelo menos três das quais permanecem não contactadas por ocidentais, afirma a Survival International.

Cada seção do yano abriga uma família diferente, e fornece o espaço para que pendurem suas redes, armazenem e preparem o alimento. Estima-se que um total de cerca de 100 pessoas vivam dentro da estrutura.

A estrutura, chamada de yano, é pensado para ser o lar de cerca de 100 pessoas. © Guilherme Gnipper Trevisan / Hutukara

A estrutura, chamada de yano, parece ser o lar de cerca de 100 pessoas. © Guilherme Gnipper Trevisan / Hutukara

No entanto, acredita-se que cerca de 5 mil mineiros estão à espreita nas proximidades, estes residentes de longa data pode não podem ficar lá por muito mais tempo. A história mostra que, quando comunidades indígenas e pessoas de fora se misturam, as tribos tendem a ser dizimadas por uma mistura de doenças mortais às quais não têm imunidade e devido violência brutal.

No início deste ano, um relatório constatou que cerca de 90% dos indígenas amazônicos no Brasil estavam sofrendo de envenenamento por mercúrio como resultado de atividades de mineração ilegal na floresta tropical circundante.

No entanto, à medida que aumenta o número de intrusos não-autorizados nesses territórios supostamente protegidos e a distância entre as tribos isoladas e o mundo exterior começa a diminuir, os governos estão sendo pressionados a intensificar seus esforços para salvaguardar o futuro dos indígenas amazônicos.

Cerca de 5.000 mineiros ilegais são pensados para estar na área, representando uma grande ameaça para as comunidades indígenas locais. © Guilherme Gnipper Trevisan / Hutukara

Cerca de 5 mil mineiros ilegais estão nestar na área, representando uma grande ameaça para as comunidades indígenas locais. © Guilherme Gnipper Trevisan / Hutukara

De acordo com o diretor da Survival International, Stephen Corry, “essas imagens extraordinárias são mais uma prova da existência de tribos ainda isoladas. Não são selvagens, mas sociedades complexas e contemporâneas cujos direitos devem ser respeitados”.

No entanto, Corry também tem um alerta rígido para os governos de toda a região, alegando que “todos os povos tribais isolados enfrentar catástrofe, a menos que sua terra esteja protegida”.

Fonte: IFLScience

Anúncios

One thought on “FOTOGRAFIAS INCRÍVEIS MOSTRAM TRIBO AMAZÔNICA ISOLADA VIVENDO PERIGOSAMENTE PERTO DE MINEIROS ILEGAIS.

  1. Por que a demarcação das terras indígenas é importante ? A resposta a essa pergunta pode ser encontrada nos semáforos da maioria das capitais dos Estados brasileiros, onde pedintes esmolam trocados para garantir a refeição do dia. Se prestarmos atenção notaremos, no meio dos miseráveis e marginalizados, um representante dos povos indígenas. Na maioria das vezes usa cocar, vende colares; está acompanhado por esposa e por crianças pequenas que circulam arriscadamente entre carros a pedir moedas. É isso que acontece quando o agronegócio invade terras indígenas: a floresta é derrubada e substituída pela monocultura de soja ou de milho; o gado é trazido para pastar e os índios – seculares donos das terras – são expulsos, primeiramente para cidades próximas, depois para metrópoles. Num ambiente desconhecido para eles, o urbano, os indígenas sofrerão inevitáveis processos de perda de identidade cultural e desestruturação familiar. O pai procurará serviços que requerem menor qualificação profissional como bóia-fria, desossador de frigorífico, ajudante de serviços gerais ou será um desempregado permanente; a mãe trabalhará como faxineira, empregada doméstica ou, na melhor das hipóteses, manicure, enquanto a filha provavelmente será mãe solteira nos primeiros anos da adolescência, interrompendo a formação escolar que poderia tira-la da situação de marginalidade a que são submetidos os índios depois de serem expulsos de suas terras pelo agronegócio e migrarem para as cidades. É por isso que a demarcação das terras indígenas é importante, e urgente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s