CHIMPANZÉS MACHOS PODEM SER BONS PAIS.

Nova pesquisa sugere que os chimpanzés machos são mais direcionados em proteger seus próprios filhos do que se pensava anteriormente. Os pesquisadores descobriram que os chimpanzés do sexo masculino passam um tempo com chimpanzés fêmeas não-acasaladas que cuidam de seus filhos. Este achado é inesperado, uma vez que a espécie é altamente promíscua e pesquisadores questionaram anteriormente se os chimpanzés machos poderiam reconhecer sua prole.

Nova pesquisa sugere que os chimpanzés masculinos são mais investidos em proteger seus próprios filhos do que se pensava anteriormente. Crédito: © estima / Fotolia

Nova pesquisa sugere que os chimpanzés machos investem mais em proteger seus próprios filhos do que se pensava anteriormente. Crédito: © estima / Fotolia

Como os machos passam o tempo assessorando as mães que amamentam, isto diminui a probabilidade de serem o pai do próximo bebê da mãe, e tais achados apoiam a hipótese do esforço paterno, na qual os machos se associam mais com as mães para proteger sua prole. A pesquisa contribui para a questão antropológica mais ampla do por que os pais humanos investem tanto na prole.

Os autores do trabalho destacam que “Pais de chimpanzés influenciam seu comportamento em direção à sua prole”, e eles conduziram suas pesquisas com base em dados de longo prazo do Parque Nacional Gombe Stream na Tanzânia, onde a coleta de dados a longo-prazo é apoiada pelo Instituto Jane Goodall. Usando mais de 25 anos de dados comportamentais digitalizados na Universidade de Minnesota, na Universidade Duke, no Lincoln Park Zoo, na Franklin & Marshall College e na George Washington University, os pesquisadores examinaram padrões baseados em 17 chimpanzés pais e 49 pares mãe/bebê para ver se os machos podiam reconhecer sua prole e se o comportamento do macho era diferente ao redor deles. Os pesquisadores encontraram os machos associados com as mães de seus filhos logo na infância e interagiram com seus bebês mais do que o esperado.

“Como antropólogos, queremos entender quais padrões poderiam ter existido no início da evolução humana, que ajudam a explicar como o comportamento humano evoluiu”, disse Carson Murray, professor assistente de antropologia na Universidade George Washington e principal autor do artigo. “Esta pesquisa sugere que os machos às vezes podem priorizar as relações com seus descendentes, em vez de com potenciais companheiros. Para uma espécie sem vínculos de par onde se supunha que os pais não sabiam quais eram os seus próprios filhos, esta é uma descoberta importante”.

O significado da descoberta reside na evidência de que os chimpanzés, um dos parentes vivos mais próximos do ser humano, não só têm reconhecimento paterno, mas também investiram na prole em vez de se concentrarem apenas no futuro esforço de acasalamento. Os pesquisadores descobriram que os machos passam um tempo cuidando de seus filhos.

“Nossos resultados não são apenas mais uma evidência de que os pais de chimpanzés reconhecem sua prole em uma espécie promíscua, mas também que os pais se comportam de maneira diferente em torno de seus filhos”, disse Margaret Stanton, cientista pós-doutor no Centro de Estudo Avançado de Paleobiologia Humana e co-autor do paper.

Os cientistas enfatizam que, embora o estudo seja uma importante peça da pesquisa, não responde à questão geral de como o comportamento paterno humano evoluiu e é, em vez disso, apenas uma peça do quebra-cabeça antropológico.

Jornal Referência:
1. Carson M. Murray, Margaret A. Stanton, Elizabeth V. Lonsdorf, Emily E. Wroblewski, Anne E. Pusey.Chimpanzee fathers bias their behaviour towards their offspring.Royal Society Open Science, 2016; 3 (11): 160441 DOI: 10.1098/rsos.160441

Fonte: Science Daily

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s