MODERN BIRDS ARE REALLY BABY DINOSAURS. (comentado)

Modern birds retain the physical characteristics of baby dinosaurs, according to a new Nature study that found birds are even more closely related to dinos than previously thought.

Depending on the non-avian dinosaur and bird compared, that might be hard to believe. A toothy, angry reconstruction of Tyrannosaurus rex, for example, on first glance looks little like a common garden blue jay.

When researchers go beyond the surface to the tissue and skull levels, however, the similarities become more obvious.

Harvard University’s Arkhat Abzhanov, associate professor of organismic and evolutionary biology, and Bhart-Anjan Bhullar, a Ph.D. student in Abzhanov laboratory and the first author of the study, did just that and found evidence that the evolution of birds is the result of a drastic change in how dinosaurs developed. Rather than take years to reach sexual maturity, as many dinosaurs did, birds sped up the clock (some species take as little as 12 weeks to mature), allowing them to lock into their baby dinosaur look.

“What is interesting about this research is the way it illustrates evolution as a developmental phenomenon,” Abzhanov was quoted as saying in a press release. “By changing the developmental biology in early species, nature has produced the modern bird –- an entirely new creature –- and one that, with approximately 10,000 species, is today the most successful group of land vertebrates on the planet.”

“The evolution of the many characteristics of birds –- things like feathers, flight, and wishbones -– has traditionally been a difficult problem for biologists,” Mark Norell, chair of the division of paleontology at the American Museum of Natural History and one of the paper’s co-authors, added.

“By analyzing fossil evidence from skeletons, eggs, and soft tissue of bird-like dinosaurs and primitive birds, we’ve learned that birds are living theropod dinosaurs, a group of carnivorous animals that include Velociraptor,” Norell continued. “This new work advances our knowledge by providing a powerful example of how developmental changes played a major role in the origin and evolution of birds.”

The next time you bird-watch, keep in mind that our modern feathered friends are all related to the meat-loving Velociraptor.

Top image: A reconstruction of the bird-like Jurassic troodontid Anchiornis huxleyi. Credit: Michael A. Digiorgio. Bottom image: Velociraptor scavenging the carcass of a pterosaur. Credit: Brett Booth.

Fonte: Discovery News

.

Resenha do autor

De acordo com Arkhat da Universidade de Harvard Abzhanov e Bhart-Anjan Bhullar, Ph.D em evolução  o estudo encontrou evidências de que a evolução das aves é o resultado de uma mudança drástica na forma como os dinossauros desenvolveram as aves modernas mantêm as características anatômicas de filhotes de dinossauros. As aves estão mais intimamente relacionadas com dinossauros do que se pensava. De acordo com a reconstrução anatômica de filhotes de Tyrannosaurus rex feita pelos autores, concluiu-se que eles eram semelhantes a uma gralha.

Quando os anatomistas estudaram além da superfície para os níveis de tecidos e crânio as semelhanças ficaram mais evidentes.

Ao invés de levar anos para atingir a maturidade sexual, como muitos dinossauros fizeram os pássaros aceleraram o relógio biológico reprodutivo.

O que é interessante sobre esta pesquisa, o estudo simplesmente ilustrou a evolução como um fenômeno de desenvolvimento.

Se olharmos para os dois principais nomes da biologia evolutiva veremos que parte dessa concepção de desenvolvimento já tem sido descrita por alguns autores.

No caso de Stephen Jay Gould, ele discute como determinados animais evoluíram apenas suprimindo parte de seu desenvolvimento fisiológico. Gould suspeitava que o homem fosse o resultado de um desenvolvimento neotênico dentro do grupo de primatas antropoides.

Pode parecer absurdo, mas a neotênia é vista sim verificada em animais como a Axolotl.

Richard Dawkins também discute tais temas no livre Desvendando o arco-íris de forma mais poética enxergando a vida e a evolução não como um fenômeno de transformação da vida, mas de desenvolvimento do universo. (A EVO-DEVO E A PRESENÇA COTIDIANA DOS DINOSSAUROS).

Abzhanov acredita que uma mudança ou um conjunto de mudanças na biologia do desenvolvimento nas espécies de dinossauros com aves culminou no desenvolvimento do pássaro moderno.

De fato, a conquista do voo rendeu as aves um dos grupos de vertebrados mais bem sucedido na natureza. Mais muitas questões permanecem em aberto, em especial as referentes ao metabolismo.

Biologicamente as aves são caracterizadas como um grupo de dinossauros terópodes carnívoros relacionados ao grupo dos Velociraptor.

Nos pássaros as clavículas estão fundidas e formam uma estrutura em forquilha. O que vemos ao analisar a anatomia dos dinossauros relacionado as aves é que uma linhagem perdeu as clavículas e deu origem a uma linha de descendência especial. A linhagem com as clavículas presentes acabou sendo reforçada e fundindo essa forquilha dando origem as aves.

As aves tem sangue quente porque seus ancestrais também tinham. A questão é, onde e quando o metabolismo homeotérmico surgiu? O metabolismo não se fossiliza, portanto essa é uma questão que depende de sorte ou de inovações tecnológicas que nos permitam fechar essa questão. Algumas pistas sugerem que o sangue quente pode ter se desenvolvido a linhagem de dinossauros ligada a origem das aves. (veja  UN TERMÓMETRO PARA MEDIR LA TEMPERATURA DE LOS DINOSAURIOS)

Uma reestruturação da classificação dos vertebrados se faz necessária então. Por termos taxonômicos e sistemáticos uma mudança considerável seria retirar os dinossauros do grupo Reptilia  criando um grupo separado chamado Dinosauria unindo esses grandes lagartos, os fundadores das aves e seus descendentes.

Seria interessante dentro do grupo dos vertebrados dividir dois grupos de animais de sangue frio como os Amphibia e os Reptilia e duas de sangue quente com os Dinosauria e Mamalia.

Para saber mais ENCONTRADAS PENAS DO PERÍODO CRETÁCEO PRESERVADAS EM ÂMBARESTUDO DESCOBRE QUE DINOSSAURO ALADO TINHA PENAS PRETAS e DINOSSAUROS EVOLUÍDOS.

 .

Scritto da Rossetti

Palavra chave: NetNature, Rossetti, Dinossauros, Aves, Fósseis, Evolução.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s